quinta-feira, 31 de julho de 2014

MUNDO: Com 119 mortes, Gaza viveu ontem o dia mais sangrento da ofensiva israelense.

Os aviões de combate e os tanques das Forças de Defesa de Israel (IDF, na sigla em inglês) mataram ontem 119 palestinos e feriram mais de 500 na faixa de Gaza nesta quarta-feira (30), informaram nesta quinta-feira (31) fontes de saúde do território palestino, o que transformou a quarta no dia mais sangrento da atual ofensiva miliar israelense.

O porta-voz do Ministério da Saúde em Gaza, Ashraf al Qedra, especificou que os dois episódios mais graves ocorreram quando a artilharia israelense atingiu uma escola gerida pela ONU no norte da faixa de Gaza e um mercado na capital.

"20 pessoas morreram nos ataques de tanques contra o colégio Abu Hussein em Jabalya, e outras 20 no mercado público de Shayaia", esclareceu Qedra ontem à noite, antes de acrescentar que "mais de 20 corpos foram retirados dos escombros no sul da Faixa de Gaza".

O porta-voz detalhou que o total de mortos desde o início da ofensiva israelense, que começou em 8 de julho, chega a 1.349 e os feridos são mais de 7.500, a maioria civis, inclusive mulheres e crianças.

Imagem do dia. Hoje pela manhã


Minha querida cidade  Jordão

quarta-feira, 30 de julho de 2014

COMUNICADO IMPORTANTE:

O Cartório de Tarauacá pede aos donos dos títulos definitivos de Jordão que foram enviados para o registro em Tarauacá, que entreguem cópias dos seus documentos como Identidade, CPF e se for casado civil copia da certidão de casamento e se não, cópia da certidão de nascimento e entregar na prefeitura de Jordão no setor de tributos até dia 15 de agosto.

Atenciosamente

Setor Tributário de Jordão

SAÚDE: Prefeitura Municipal fará lançamento do Projeto “Nascer Saudável” na sexta-feira dia 1º de agosto.

A Prefeitura Municipal de Jordão através da Secretaria Municipal de Saúde na pessoa da Secretária Ana Carolina, estará realizando o lançamento do Projeto “Nascer Saudável” nesta sexta-feira dia 1 de agosto.

O projeto ira beneficiar todas as gestantes do nosso município, com direitos a consultas de pré-natal, testes rápidos, ultrassonografias e acompanhamento mensal.

A partir da criação da Lei do Projeto nascer saudável você terá direitos de ter uma gestação mais tranqüila e saudável.
Não deixe de participar.

No dia 01 de agosto compareça ao prédio do escritório avançado, para conhecer este projeto e seus benefícios. Gestante que ainda não começaram a fazer seu pré-natal esta é a hora de começar, e as que já fazem o acompanhamento mensal venham garantir seus direitos.


As gestantes que tiverem 7 ou mais consultas de Pré-natal, irão ganhar o Kit Bebê.

Dia 01 de Agosto de 2014
Local: prédio do escritório avançado
Horário: 08h00min ás 11h00min

Apoiadores:
Prefeitura Municipal de Jordão
Secretaria Municipal de Saúde
Secretaria Municipal de Assistência Social
CRAS
Secretaria Municipal de Educação
Pólo base Indígena

Márcio Bittar vem ao Jordão pedi votos e titubeia quando é interrogado sobre emenda para o município.


Na ultima sexta-feira 25 de julho o candidato a Governador pelo PSDB Márcio Bittar e o candidato ao Senado Gladson Cameli PP, estiveram no município de Jordão cumprindo agenda política e falando de suas propostas para o Acre e Jordão caso sejam eleitos.

O Blog Jordão Agora em parceria com a Rádio Comunitária FM 88.50 MHZ, entrevistou os dois que em breve irá ao ar.

Ao ser interrogado sobre emenda parlamentar Gladson Cameli disse que destinou sim emendas para nosso Jordão para a compra de medicamentos no valor de 250 mil reais durante os 4 anos de mandato e outras que soube no momento explicar.

Quando chegou a vez de Marcio Bittar vi algo que nos decepcionou bastante para quem se diz pronto para governar o Acre. Marcio titubeou e como não podia mentir diante de todos, afirmou não lembrar de nenhuma emenda sua para Jordão.

Pra não ficar no negativo, Márcio disse que uma de suas metas é ligar Jordão ao Município de Tarauacá através de uma estrada, onde irá tirar Jordão do isolamento.

O resultado que obtive disso tudo é que na hora que precisam dos votos do Jordão, é que descobrem o caminho que os trás até aqui, mas na hora de destinar recursos, Jordão não aparece no mapa, e sabemos de co o nome dos parlamentares que ajudaram nossa gestão investindo recursos na saúde, educação, esporte e lazer, contribuindo com a melhoria da qualidade de vida de nosso povo.

Discordo de muita coisa que tem por aí, mas acredito que a Frente Popular ainda tem o melhor projeto para o Acre....  

Uma coisa que me chamou a atenção nas palavras de Gladson é que ele é contra a legalização do aborto, a legalização da maconha, eutanásia e casamento homo afetivo

Essas ideias sobre tais tipos de questionamentos, tem sim que serem levadas em conta nessas horas.   

Aniversariantes do dia. PARABÉNS

Cristina Sérgio Oliveira 

Eliana Saraiva

terça-feira, 29 de julho de 2014

Secretaria Municipal de Saúde realiza dia de atendimento e combate as hepatites.

A Prefeitura Municipal de Jordão por meio da Secretaria de Saúde na pessoa da Secretária Ana Carolina e equipe da Unidade de Saúde Antonio Rodrigues Dourado, realizaram ontem um dia de atendimento em comemoração ao dia mundial de combate a Hepatite que é observado todos os anos em 28 de julho para informar e sensibilizar a comunidade global sobre a hepatite B e a hepatite C, encorajando prevenção, diagnóstico e tratamento. 

Aproximadamente 500 milhões de pessoas em todo o mundo vivem com hepatite B ou com hepatite C, o que representa 1 em 12 pessoas. O Dia Mundial de Combate à Hepatite tem sido liderado pela Aliança Mundial das Hepatites desde 2008 e em maio de 2010 a Organização Mundial da Saúde endossou oficialmente a data, que se tornou um de apenas 4 dias relacionados com doenças específicas e que tem um mandato da organização, juntamente com malária, tuberculose e HIV/AIDS.

Por esse motivo a equipe de Saúde do município realizou vários testes das Hepatites virais B e C, HIV e Sífilis a população Jordanense. A saúde no município de Jordão, tuntamente com Educação é uma das áreas que mais melhorado e recebido elogios por parte dos usuários.  




Por João Bráz 


segunda-feira, 28 de julho de 2014

FUNAI prevê chegada em massa de índios isolados na fronteira do Acre.


O coordenador-geral de Índios Isolados e Recém Contatados da Fundação Nacional do Índio (Funai), Carlos Lisboa Travassos diz, em entrevista exclusiva à agência Amazônia Real, que a equipe responsável pelo contato com os índios desconhecidos da fronteira do Acre com o Peru enfrentou a desconfiança e o medo para convencê-los a tratar com remédios dos “brancos” uma gripe capaz de exterminar todo a tribo, que vive em local de difícil acesso da floresta do oeste da Amazônia brasileira.

Travassos afirma que os índios isolados recém contatados foram identificados como o povo do rio Xinane, pertencente ao tronco lingüístico Pano. Sem resistência para doenças como pneumonias, eles foram convencidos a tomar os remédios pelos interpretes da etnia Jaminawá, que falam dialetos da mesma língua. O próximo passo é vacinar todo o grupo.

Na entrevista à Amazônia Real, o coordenador-geral de Índios Isolados diz  que a situação na fronteira é crítica. Na região há várias tribos compartilhando o mesmo território pacificamente. Mas a perspectiva é de que haja uma aproximação massiva do grupo indígena isolado na base da Funai do rio Xinane, o que exigirá, segundo Travassos, de uma resposta do governo brasileiro na proteção da integridade física e cultural da etnia. Ele disse que a Funai pediu ajuda ao Itamaraty para intermediar a participação do governo peruano nas ações.


A base do Xinane fica localizada na Terra Indígena Kampa e Isolados do Rio Envira, entre os municípios de Feijó e Jordão (Acre), com acesso possível apenas de aeronave ou barco, o que exige recursos para logística e a contratação de servidores. Nesta região vivem os ashaninka e há vestígios de mais duas tribos desconhecidas, o povo do Riozinho e o povo do Rio Humaitá.


Carlos Travassos disse que o contato na aldeia Simpatia dos índios ashaninka, que aconteceu no dia 26 de junho, por pouco não deu certo.


JORDÃO: Após bebedeira, jovem sofre tentativa de linchamento.


Confusão coletiva e muita pancadaria foi o resultado de uma farra regada a álcool, durante a noite do ultimo domingo (27), nas proximidades da praça municipal de Jordão, no interior do Acre.
Após horas de bebedeira, um rapaz de aproximadamente 22 anos foi espancado violentamente por um grupo de jovens, em plena via pública. O linchamento não tomou maiores proporções pela intervenção de populares.
A polícia foi acionada e encaminhou a vítima ao Hospital da Família para receber cuidados médicos. O jovem teve vários hematomas pelo o corpo, como resultado de chutes, socos e pontapés que sofreu covardemente.
Até o fechamento desta reportagem ninguém havia sido preso. A PM está identificando os agressores e envolvidos no caso.
Maiores informações em breve.
Fala Jordão

Investimentos em educação elevam IDH de Jordão e é o segundo melhor em ascensão na região Norte.

Dois municípios amazonenses, Atalaia do Norte (AM) (0,259) e Itamarati (AM) (0,266) completam a relação de municípios com os menores IDHM Educação. Na região Norte, o mais baixo é de Melgaço (PA), com IDHM Educação igual a 0,207. Em termos percentuais, Mateiros (TO) (509,2%), Jordão (AC) (444,2%), Japurá (AM) (331,3%) e Pauini (AM) (328,4%) são os municípios que apresentaram os melhores desempenhos nessa área.
Com a nova classificação a cidade de Jordão – uma das mais isoladas na região do Juruá – progrediu no ranking apresentando-se como segundo município da região norte com maior crescimento nos indicadores educacionais. Jordão não saiu do índice de muito baixo desenvolvimento.
Praticamente em uma década o Acre tirou sete municípios da situação de muito baixo desenvolvimento. Em 2000 eram 20 cidades nessa classificação. Em 2013, segundo dados do PNUD, Rio Branco foi classificado como alto desenvolvimento humano e mais sete cidades: Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Sena Madureira, Brasileia, Acrelândia, Plácido de Castro e Epitaciolândia, como médio desenvolvimento.
O Estado brasileiro é obrigado a medir o IDH, a partir do pacto assinado pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e enfrentado de forma mais positiva com Luiz Inácio Lula da Silva, que assinou o pacto dos Oito Objetivos do Milênio (ODM).
Em 2011 as escolas de Jordão tinham uma estrutura bastante precária. A partir de 2012 na gestão do Ex-prefeito Hilário de Holanda Melo, o município recebeu recursos do Estado para ampliação e reforma dessas escolas em áreas rurais através do Proacre.

Vendo a atual situação o governo municipal resolveu ao invés de reformar construir outras escolas ampliando o recurso da contra partida do município.
Escola Velha e a nova construída em 2012 Seringal Jaminawá
Em 2014 a prefeitura de Jordão já na gestão do Prefeito Élson Farias concluiu a construção de todas as escolas municipais na zona rural, e começou a construir também nas áreas indígenas onde a situação é bem mais grave.
Todos esses investimentos têm sido feitos com o compromisso de melhorar a qualidade do ensino e da vida do nosso povo. Por isso, estamos de parabéns pelo desempenho do Governo Municipal quem mostrado ser compromissado com as causa importantes como saúde e educação. 
Escolas Indígenas construídas em 2013 com recurso Próprio do Município 
Por João Bráz - Com informações do Ac24horas